Exercícios Kegel: vida sexual, dores nas costas e mais!

capa05-07

Os exercícios Kegel são também chamados de exercícios do assoalho pélvico e consistem em exercitar a musculatura pélvica. Estes exercícios possuem benefícios surpreendentes e são recomendados para todas as pessoas, principalmente para as mulheres. Músculos vaginais fortes, mesmo que relaxados, são muito importantes para a saúde ao longo prazo, independente da escolha de ter ou não filhos, diz Gayle Hulme, fisioterapeuta canadense especializado em músculos pélvicos.

Abaixo listamos alguns benefícios surpreendentes e transformadores dos exercícios Kegel:

REDUZEM AS DORES NA LOMBAR

O corpo humano possui músculos responsáveis pela proteção da coluna vertebral durante os exercícios do dia a dia. Quando estes músculos são fortes eles conseguem protegê-la de forma mais eficiente. Há três grandes grupos de músculos responsáveis por esta função: os músculos abdominais, os músculos das costas e os, frequentemente esquecidos, músculos do assoalho pélvico. É a interação destes três grupos que proporciona uma coluna vertebral forte e estável.

Exercícios Kegel ajudam a fortalecer os músculos do assoalho pélvico, melhorando significativamente a qualidade da contração e a estabilidade da coluna lombar. Com a coluna mais protegida, as lesões e dores diminuem drasticamente. Se você começar a praticar Kegels agora, suas costas vão agradecer no futuro.

PREVINEM A INCONTINÊNCIA URINÁRIA

Cerca de 70% das mulheres que tem filhos, independente da via de parto, experienciam problemas de incontinência, principalmente depois da menopausa, quando as mudanças hormonais começam a impactar a tonicidade dos músculos. Os escapes são os mais comuns e ocorrem em situações do dia a dia, quanto tossimos, espirramos ou rimos.

A boa notícia é que músculos do assoalho pélvico mais fortes podem ser 80% eficientes em eliminar escapes. Os exercícios Kegel ajudam a fortalecer estes músculos, tornando-os capazes de aguentar a pressão.

GRAVIDEZ E PÓS-PARTO MAIS SAUDÁVEIS

Os hormônios da gravidez que relaxam os ligamentos e peso do bebê sobre os músculos pélvicos enfraquecem os músculos pélvicos. Exercícios Kegel ajudam a manter um balanço nesta região. Estudos mostram que músculos mais fortes ajudam a prevenir complicações, desde dores causadas por desalinhamentos durante a gravidez até problemas de incontinência durante o pós-parto.

AUMENTAM A SENSIBILIDADE SEXUAL

O último e mais curioso benefício dos exercícios Kegel refere-se ao impacto na vida sexual. Os músculos que seguram os órgãos pélvicos e são responsáveis pelo controle da urina são também responsáveis pelas contrações que sentimos durante o orgasmo. Os exercícios Kegel não deixam a vagina mais apertada, mas tonificam e fortalecem os músculos vaginais, aumentando a excitação. Músculos mais fortes geram também uma maior compressão durante o ato sexual e contrações mais intensas durante o orgasmo. Além disso, praticar Kegels durante a relação sexual pode aumentar o prazer dos dois!

Todos esses benefícios incríveis te convenceram? Então nós preparamos um guia básico para você iniciar a prática:

1) Identifique e sinta a sua musculatura pélvica: na próxima vez que você for fazer xixi, tente parar o jato de urina no meio. Se você conseguiu, é por que você achou o músculo certo.

2) Aperfeiçoe sua técnica: os exercícios consistem basicamente em contrair essa musculatura e em seguida relaxá-la: contraia por 5 segundos e depois relaxe por 5 segundos, como se estivesse evitando fazer xixi. Repita esse movimento 5 vezes seguidas. Com o tempo, você pode aumentar os intervalos de contração e relaxamento para 10 segundos. Você pode praticar os exercícios pelo menos 3 vezes ao dia.

3) Não pratique essa técnica ao urinar: apenas identifique seu músculo pélvico ao urinar, depois pratique os exercícios em outros momentos. Eles são tão simples que você pode fazer no trabalho, no elevador ou deitada na cama antes de dormir.

4) Mantenha o foco no seu assoalho pélvico: evite contrair outras musculaturas como nádegas, coxas ou abdômen. Outro ponto importante é não prender a respiração, respire normalmente ao realizar os exercícios.

Os exercícios Kegel também ajudam as mulheres que ainda tem dificuldade ou receio na hora de inserir ou retirar o coletor menstrual. Ao conhecer a própria musculatura, o uso fica bem mais fácil. Legal, né?

Já conhecia os exercícios Kegel? Conhece algum outro benefício? Deixe um comentário! E compartilhe este post para que todas as suas amigas possam se beneficiar também!

DEIXE UM COMENTÁRIO